fbpx

MAIO AMARELO: SEMOB DE CABEDELO/PB E MUNICÍPIO DE CAAPORÃ/PB UNEM-SE EM AÇÃO EDUCATIVA VOLTADA PARA O TRÂNSITO

Com o objetivo de trocar experiências em relação ao Maio Amarelo e levar educação para o trânsito aos cidadãos, especialmente ao público estudantil, a Semob de Cabedelo, por meio da coordenação de educação para o trânsito, e o munícipio de Caaporã, no estado da Paraíba, se reuniram, durante ação educativa relacionada à temática, no início de maio. O encontro foi realizado no auditório do Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), e marcou a abertura oficial do Maio Amarelo, em Caaporã.

Na ocasião, estiveram presentes o prefeito de Caaporã, Cristiano Monteiro, a secretaria de educação de Caaporã, Eucicleia Ferreira, a coordenadora de educação para o trânsito de Cabedelo e Observadora Certificada pelo OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Abimadabe Vieira, a representante do Ministério Público da Paraíba, Juliana Fragoso, além de representantes da sociedade civil, do legislativo e professores da rede municipal de ensino.

Durante a ação, foi ministrada uma palestra pela coordenadora de educação para o trânsito de Cabedelo e Observadora Certificada, Abimadabe Vieira, que destacou a importância da educação como uma grande aliada para a municipalização do trânsito. A coordenadora ainda ressaltou os dados de sinistros e óbitos por ocorrências de trânsito no Brasil e na Paraíba, os custos dos sinistros para a saúde pública, além de conscientizar o público com medidas de segurança, a exemplo, a utilização correta da faixa de pedestres, o uso do capacete, além de outras orientações.

Abimadabe Vieira ainda ressaltou as experiências exitosas e o empenho do município de Cabedelo quanto à educação para o trânsito, especialmente, nas escolas e citou, como exemplo, a implementação do programa Educa, por meio do qual foram adquiridos e distribuídos 700 livros educativos para as crianças de três escolas municipais, em Cabedelo.

No decorrer do evento, as professoras da rede municipal de ensino, Josefa Celina, Renata Cristina e Patrícia Gomes realizaram uma apresentação musical, voltada para o trânsito, temática, inclusive, trabalhada na educação infantil e nos anos iniciais da vida escolar estudantil no município de Caaporã.

Ainda como parte da programação, o estudante, do 9° ano, da Escola Municipal Rita Araújo, Vinicius Morais realizou a leitura de cordel com o tema “o trânsito”. Dando seguimento, o evento contou também com a apresentação da professora e cordelista, Lúcia Santos, que fez a leitura de cordel, conscientizando sobre medidas responsáveis no trânsito, além da apresentação do saxofonista, Wellington José.

O prefeito de Caaporã, Cristiano Monteiro, avaliou como positiva a troca de experiências entre os municípios em relação às ações voltadas para o trânsito, além da implementação, nas escolas, de boas práticas educativas voltadas para a cidadania e a formação de jovens mais responsáveis e conscientes no trânsito. Além disso, o chefe do executivo enfatizou a parceria com órgãos como o Ministério Público.

De acordo com o prefeito, o objetivo principal do trabalho de prevenção e conscientização no trânsito é resguardar a vida, salvar vidas, por meio da educação e orientação e ressaltou, ainda, que “essa troca de informações entre municípios, órgãos públicos e sociedade, é um marco importante para darmos continuidade ao processo de municipalização do trânsito de Caaporã. Por isso, essa integração e a troca de experiências é tão valiosa para que o poder público caminhe, em uma mesma direção, juntamente com a sociedade para a construção de uma mobilidade mais segura e com menos violência e acidentes”, informou.

Dados

Na Paraíba, de acordo com a Secretaria de Estado da Saúde, de janeiro a março, deste ano, foram registrados 196 óbitos por acidentes de transporte terrestre. Além disso, foram registradas 2,4 mil entradas de vítimas de sinistros de trânsito no Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa. Desse número, 1,8 mil vítimas de acidente de moto, 221 de acidente de carro, 165 vítimas de acidente envolvendo bicicleta e 194 vítimas de atropelamento.

Já no Hospital Estadual de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, em Campina Grande, foram registradas 2 mil entradas de vítimas de sinistros de trânsito. Desse número, 1,7 mil vítimas de acidente de moto, 168 de acidente de carro, 114 vítimas de acidente envolvendo bicicleta e 105 vítimas de atropelamento.

Segundo a ONU (Organização das Nações Unidas), mais de 90% de todos os acidentes de trânsito acontecem por imperícia, imprudência e negligência. De acordo com o IPEA (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada), o governo brasileiro gasta quase R$ 60 bilhões por ano em relação aos sinistros de trânsito.

Atividade educativa em alusão ao Maio Amarelo em Escola Municipal

Ensinar sobre a importância de conhecer e respeitar as normas e as leis de trânsito, esse foi o objetivo da ação realizada, na última terça-feira (24), pela Semob de Cabedelo, por meio da gerência de educação para o trânsito, na Escola Municipal de Ensino Fundamental Major Adolfo Pereira Maia, localizada no Monte Castelo, em Cabedelo.

A atividade educativa fez parte da programação em alusão ao “Maio Amarelo” e contou com a participação de aproximadamente 150 alunos do ensino fundamental, além da subgerente de educação para o trânsito da Semob de Cabedelo, Abimadabe Vieira, de representantes da Guarda Civil Municipal, da Polícia Militar da Paraíba e da equipe educacional da Honda de Recife-PE.  Fizeram parte da programação, simulações relacionadas à forma correta de fazer a travessia na faixa de pedestre, além da distribuição de brindes e revistas educativas relacionadas à temática trânsito.

Sem comentários

Escreva um comentário

Translate »